12 curiosidades do Pantanal que você precisa conhecer

curiosidades do pantanal

🕗 Atualizado em 03/02/2020

Certos lugares despertam grande fascínio nas pessoas sem ao menos terem pisado na região, apenas por ouvirem falar ou terem lido algo a respeito. Isso acontece bastante quando são pesquisadas algumas curiosidades do Pantanal.

É impossível alguém se sentir indiferente a um dos destinos mais procurados do Brasil e que possui um dos maiores biomas do planeta. Por isso, listamos 12 curiosidades que você precisa conhecer sobre o Pantanal antes de viajar. Acompanhe!

1. Povos nativos

Os primeiros habitantes da região do Pantanal foram os povos indígenas Xaraés, que deram origem ao primeiro nome do lugar: Mar dos Xaraés. Eles se concentravam nas nascentes do Rio Paraguai e, segundo informações, eram possuidores de muito ouro e prata.

Com a ocupação do Pantanal, a sociedade foi transformada. Hoje o povo pantaneiro é formado por comunidades indígenas, como os índios Guató, por quilombolas, como a comunidade de Mata Cavalo, pelos descendentes de paraguaios e bolivianos e também por pessoas de outros estados.

2. Número de habitantes

Segundo dados recentes, a população do Pantanal foi estimada em 3 milhões de habitantes, sendo que a área compreende vários municípios dos estados do Mato Grosso, como Cáceres, Poconé e Curvelândia, e do Mato Grosso do Sul, como as famosas cidades turísticas de Corumbá, Bonito e Bodoquena.

3. Fronteiras

A área de 250 mil quilômetros quadrados do Pantanal faz fronteira com o sul do Mato Grosso, noroeste do Mato Grosso do Sul, leste da Bolívia e norte do Paraguai. Sendo 60% desse território pertencente ao Brasil.

Para o turismo, a região das fronteiras é um ponto importante para atividades como os cruzeiros fluviais, que atraem turistas — inclusive estrangeiros — em busca do ecoturismo.

4. Tamanho do Pantanal

O Pantanal está localizado em uma área total de 250 mil quilômetros quadrados, sendo que a maior parte está no Mato Grosso e no Mato Grosso do Sul, e o restante dividido entre Bolívia e Paraguai. Para alcançar o tamanho gigantesco de sua extensão territorial, é necessário juntar quatro países europeus, como Bélgica, Suíça, Portugal e Holanda.

Dentre suas áreas mais importantes está o Parque Nacional do Pantanal Mato-Grossense. Criado em 1981, é uma grande área de preservação com 135 mil hectares, onde o turismo é limitado.

5. Atividade econômica

Por ser uma região em que se formam pastos naturais, a criação de bovinos se tornou uma importante atividade econômica para o lugar. Além da pecuária, a pesca e o turismo têm levado muitas pessoas para o Pantanal, aquecendo a economia local.

Um dos passeios mais famosos é o de chalana. Típica embarcação da região, ela tem fundo plano e grande porte, sendo muito utilizada para o transporte de pessoas nos rios pantaneiros.

6. Fauna e flora

O Pantanal é considerado a região com a maior concentração de animais por quilômetro quadrado, tendo em torno de 400 espécies de peixes, 6.656 tipos de aves, entre outros, vivendo em perfeito equilíbrio.

A sua flora também é gigantesca, com mais de 3.500 espécies de plantas terrestres e aquáticas. Portanto, é um dos ecossistemas mais ricos do planeta e é considerado o bioma mais preservado do mundo.

7. Animais selvagens

A serpente sucuri é também conhecida na região como anaconda verde. Seu comprimento chega a atingir mais de 6 metros e ela não para de crescer. Além disso, podem chegar a 230 quilos e viver por 30 anos.

Por incrível que pareça, a sucuri não tem o hábito de comer pessoas, mas sim animais da floresta de diferentes tamanhos. Seus olhos e nariz se localizam na parte de cima da cabeça, para que ela possa ver a sua presa sem precisar mostrar seu corpo.

Depois de se alimentarem, elas passam semanas digerindo a presa ao sol. Por isso, é comum avistá-las nas beiras dos rios.

8. O Dia do Pantanal

Para quem não sabe, existe um dia do ano em que se é comemorado o Dia do Pantanal. Em memória do ambientalista Francisco Anselmo de Barros, que deu sua vida pelas questões ambientais na região, em 2008 foi estabelecido o dia 12 de novembro como dia oficial do Pantanal.

9. Alta temporada

A alta temporada no Pantanal vai de junho a setembro — quando chove menos, as águas estão mais baixas, a temperatura mais agradável e as noites estreladas. Por isso, é o melhor período para desfrutar e apreciar a beleza do lugar.

Esse é o momento para quem gosta de pescar, pois essa atividade é proibida de novembro a fevereiro devido à piracema, época de migração e reprodução dos peixes.

10. Símbolo do Pantanal

Com uma variedade esplêndida, existem espécies que se destacam na fauna pantaneira. Uma delas é o tuiuiú, ou jaburu. Encontrada em outros países da América, cerca de metade da população da espécie vive no Brasil. Por isso, não é à toa que ela tenha sido declarada símbolo do Pantanal, sendo a maior ave da região, com 1,60 metros de altura e 3 de envergadura!

11. Espécies incríveis

Uma espécie rara, mas que foi encontrada no Pantanal em 2010, é o Vampyrum spectrum ou morcego-fantasma-grande. Esse morcego é o maior das Américas, podendo chegar a uma envergadura de 1 metro. Apesar do nome científico de vampiro, é uma espécie carnívora que se alimenta de pequenos roedores e até de outros morcegos.

O Pantanal também é reduto de espécies que correm risco de extinção. Uma delas é a arara-azul, que hoje — devido a vários projetos de preservação e conscientização da população — começa a sair do risco de extinção.

Outra famosa espécie é a onça-pintada. Sendo o terceiro maior felino do mundo e o maior do continente americano, a onça está extinta nos Estados Unidos e sua população no Brasil também é pequena e ameaçada. Com sua caça ilegal e a ocupação humana de seu habitat natural, o Pantanal se torna um refúgio para a espécie, por isso é tão importante a sua preservação.

12. Reserva da Biosfera Mundial

O Pantanal é a maior planície alagada do mundo, sendo declarado pela Unesco, em 2000, como Reserva da Biosfera Mundial. O título é condizente com a abundância de espécies e de água, recebendo bilhões de litros por dia de rios como o Paraguai — 8º maior rio da América do Sul — que banha 4 países: Bolívia, Brasil, Paraguai e Argentina.

Agora que você conheceu algumas curiosidades do Pantanal, deve ter ficado com mais expectativas para conhecer esse paraíso selvagem. Organize sua viagem e se prepare para visitar um dos lugares mais fascinantes do mundo.

Quer ajuda para montar um roteiro com experiências únicas? Confira as melhores atrações do Pantanal!

Comments

comments



Cadastre-se para ficar por dentro das nossas promoções e ofertas





Acompanhe a Rede de Hotéis Mato Grosso nas Redes Sociais

EnglishFrenchPortugueseSpanish